2 de junho de 2011

HOJE QUERO FALAR DE… CARINE ROITFELD na Máxima de Junho

 

image

Carine Roitfeld, ao longo destes 10 últimos anos de sucesso à frente da Vogue Paris (é curioso ver como ser uma capital da moda influencia a importância de uma capa: Paris e não França…), conquistou um lugar especial no mundo da moda e do coração de todos (ou quase) os fashionistas.

A revista Máxima (portuguesa) publicou na sua edição de Junho a entrevista que a ex directora cedeu à revista Der Spiegel.

Ao longo da entrevista senti-a desgastada, e talvez um pouco cansada, de um mundo que parece ser tão fantástico quanto fatigante e cruel. Mas… as palavras que mais marcaram?…

Dantes tinha mais graça, mas hoje em dia é só dinheiro, resultados e grandes negócios.” ;

“As modas actuais não deixam tanto as pessoas sonhar como dantes.”

Agora?

“Os clientes compram objectos, não sonhos.”

Não é que não tenha pensado no assunto! “A pressão criativa sobre os designers actuais!” Manter um código genético de uma marca, criar para vender, pois nem só de arte vive uma casa, editar, competir, rivalizar…

Mas quando li estas palavras encontrava-me num espírito de fantasia, (como sempre que abro uma revista de moda!…) e fui invadida pela sensação da criança que descobre que o pai natal não existe!

ESTILO é a afirmação pessoal e a evidenciação do que em nós há de melhor. Mas MODA, para mim, ainda é sonho, fantasia, e exuberância! Uma extenção da nossa sociedade que conta uma história, transmite ideias e formas de estar. E… é arte!… Não?

Só quero ver a luz na aurea  desse universo, não tão à parte dos mortais quanto isso!

Mesmo que não saiba quem é a Carine Roitfeld, Anna Wintour, Karl Lagerfeld, etc e tal, não compre nas melhores casas de nomes e preços extravagantes, a moda faz parte do seu dia a dia, e não adianta renegá-la! É cultural! É social…

13 comentários:

chloe chante disse...

nice post!
really like youre blog!
I'm following now!
wanna follow me?
love,xx

KINHA disse...

Olá Helena

Acredito que o que mais pese em nossos dias seja o fazer para vender. O sonhos e a arte que deram espaço à industria da moda. Deve ser fatigante mesmo.


Ótima 5º feira
Bjooooooooooo............

http://amigadamoda.blogspot.com

retro-a-porter disse...

Não podia concordar mais contigo. A moda é sonho e ilusão... e cabe-nos a nós mante-la nessa categoria, contingencias de mercado à parte. Ser sempre terra-a-terra não trás o Pai Natal de volta, pois não?
Bj
http://fashionheroines.blogspot.com

retro-a-porter disse...

Não podia concordar mais contigo. A moda é sonho e ilusão... e cabe-nos a nós mante-la nessa categoria, contingencias de mercado à parte. Ser sempre terra-a-terra não trás o Pai Natal de volta, pois não?
Bj
http://fashionheroines.blogspot.com

DB disse...

Lucro: O Sonho Supremo!

Oh my Dior! disse...

cool post and blog, I love Caterine she is unique! by the way i am following your blog now!! hope you can follow me too :)

http://www.ohmydior.org/

a bloguer disse...

mesmo não querendo o lucro é quem vale não só na moda como em tudo o que a sociedade de aplica, o que é uma tristeza!

*

Fashionista disse...

Adorei o post!

@gladimir_taii disse...

Gostamos tanto do seu Blog, que divulgamos ele lá no Todas as Estrelas! Torcemos que com a nossa divulgação, você adquira mais e mais fãs para teu Blog '

Um beijo do casal,
Gladimir & Tainara

we agree to disagree disse...

Tenho que ler isso para te dar uma opinião justa.
***

Helena Branquinho disse...

We agree,
vai estar disponivel on line brevemente no site da Máxima.
Só me foquei numa parte da entrevista. Gostei de ler e acho muito válidas as opiniões dela :)

Bjs

Helena Branquinho disse...

Tenho a dizer que acho o lucro importante, e no fundo é o que todos queremos: ter lucro para ter coisas! Só não quero reduzir a moda a isso. Prefiro fazer de conta que não sei de nada e deixar-me encantar...

Daniela Sousa disse...

Grande post!
Adorei Helena.

xoxo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...